quarta-feira, abril 09, 2014

Eram "coelhos" ou cães, liderando a Maratona de Santiago?

Maratona de Santiago
"Coelhos" puxando o pelotão de elite.

Quem já esteve por Santiago, ou no Chile de forma geral, sabe que cachorro por lá é quase que uma instituição nacional. São milhares soltos pelas ruas, convivendo tranquilamente com o dia-a-dia da cidade.

Nos cerros e praças da capital, são facilmente encontradas estátuas de cães. Até na vinícola Concha y Toró, bem na porta de entrada da histórica casa do seu fundador, Don Melchor, são vistas estátuas em homenagem a seus cachorros. Outra cena que não é incomum, são as invasões se campo de futebol, pelos queridos perros!

Porém uma explicação bem sensata, justificou perfeitamente (pelo menos pra mim!) aquele tratamento dispensado aos cães. Por terem uma audição tão aguçada que chega a funcionar como um sexto sentido, eles tem o "poder" de perceberem a chegada de terremotos com mais antecedência que humanos. E quando sentem/escutam esse perigo, a reação deles é de procurar abrigo, algo parecido com o que alguns cachorros fazem quando escutam fogos de artifício ou trovões.

Traduzindo melhor: Se os cães sumirem das ruas no Chile, é melhor que você fuja e se proteja, por que coisa ruim vem aí! No fim, eles acabam servindo como alarme natural contra terremotos, interessante né?!

Mas quando estão de folga ou sem preocupações com terremotos, parece que alguns cães gostam de dar uma corridinha, quem sabe até encarar uma Maratona. Pelo menos é isso que mostra esse flagra do instagramer @alepierola, onde dois perros acompanham o pelotão de elite da Maratona de Santiago que aconteceu no último domingo.

Olha a alegria dos cuscos!

http://instagram.com/p/mcsr83JbLP/ (link para assistir no instagram)

*perros - cachorro em espanhol

*cusco - cachorro em bagualês

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...