terça-feira, fevereiro 26, 2013

Correndo na contra-mão.

imagesFaço a maioria dos meus treinos em uma rua com muito poucas calçadas, o que me obriga a ter que correr pela famigerada sarjeta, dividindo espaço com os carros. E desde que comecei a correr, vejo cada vez mais gente correndo nessa mesma rua e com este mesmo problema, porém alguns atletas acabam agravando o risco por desconhecerem uma regra básica para quem caminha ou corre na sarjeta: Andar na CONTRA-MÃO.

Comecei a observar nas últimas semanas, que a grande maioria dos corredores correm no mesmo sentido do trânsito, da mesma forma que fazem os ciclistas. Porém a regra para quem caminha ou corre, é exatamente oposta a de quem pedala.

Para nós corredores, a melhor opção é correr na contra-mão do trânsito de automóveis. O motivo é simples: É mais fácil de visualizar os carros que passam próximo a você, e assim manter o controle da situação.

Vendo de frente o carro que está vindo, é possível subir na calçada, ou até “se atirar no mato”,ou seja, você terá mais condições para se defender.

Correr no mesmo sentido do trânsito, faz com que o perigo venha por trás, e muitas vezes só é percebido a poucos metros, dificultando e diminuindo o tempo para reação. E o risco pode se agravar se o corredor estiver utilizando fones de ouvido.

Então fica combinado. Correr na sarjeta, só na CONTRA-MÃO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...